Fonte de São Pedro

Em Rates, uma vila histórica carregada de monumentos enigmáticos, há uma fonte que se cruza com os peregrinos alinhados para Santiago de Compostela. É a Fonte de São Pedro e hoje servem-se dela para hidratarem toda a quilometragem que carregam nas pernas, aproveitando para atestar embalagens de água em plástico, fazendo-se depois, novamente, ao caminho.

No entanto, há uns tempos, esta Fonte de São Pedro, além de servir para suprimir uma necessidade elementar das gentes de Rates e dos peregrinos de São Tiago, era tida como uma fonte mágica, como muitas outras que existem no país.

A verdade é que há vários ratenses que falam de virem aqui mulheres procurar fertilidade, e que para isso teriam apenas de se sentar numa pedra furada que aqui existia. No entanto, se mulheres já grávidas lá se sentassem, a magia virava do avesso, tornando-se vingativa sobre a pessoa que ousou provocá-la. Entretanto, a fonte levou obras, sendo substituída pelo modelo actual, havendo lá ao lado uma reprodução, em azulejo, da sua versão antiga e lendária.

Este carácter vingativo associado à fonte, somado ao facto de estarmos na presença de um ponto de água, remete-nos para as moiras encantadas (explicadas nos textos Moiras Encantadas I e Moiras Encantadas II), citadas em centenas de lugares similares, de norte a sul do país, para além da Galiza. A juntar a isto há a peculiaridade de estarmos a falar de uma pedra furada. As pedras furadas, isto é, pedras perfuradas por buracos de várias dimensões, normalmente por acção da natureza, foram várias vezes vistas pelo povo como sagradas. Não só estas mas quaisquer outras que tenham uma estética menos convencional, como aqui já se falou, por exemplo, do caso das Pedras Baloiçantes.

Curiosamente, bem perto de Rates, existe uma outra povoação com o nome de Pedra Furada, à qual é associada uma outra lenda: lá foi enterrada Santa Leocádia que saiu, em espírito, da lápide que encimava a sepultura, justificando assim o pequeno orifício que se encontra na pedra.

Seja como for, hoje, a pedra furada já lá não está. Talvez as águas que por lá correm venham a substituir esse poder oculto que ajuda as mulheres a largarem a esterilidade.

Mapa e Coordenadas de GPS: lat=41.424478 ; lon=-8.671177

Comentários

(295 Posts)

Um tipo que não desiste de dar a conhecer aos portugueses um país que eles mal conhecem: Portugal.